Associação dos Mecânicos de Vôo da Varig
Segunda-Feira, 16 de Outubro de 2017
08/04/2009
Notícias Anteriores

Estadão
08/04/2009 - 19:33hs

Avião da TAM interrompe viagem e volta a Porto Alegre
A empresa informou em nota que o retorno deveu-se a uma 'manutenção não programada'
Elder Ogliari, de O Estado de S. Paulo

PORTO ALEGRE - Um avião da TAM teve de voltar ao Aeroporto Salgado Filho, de Porto Alegre, poucos minutos depois de ter decolado com destino a Guarulhos, em São Paulo, na tarde desta quarta-feira, 8. Depois de aterrissar, a aeronave ficou parada do meio da pista e teve de ser rebocada para uma área isolada do aeroporto, que ficou fechado durante 11 minutos. A empresa informou em nota que o retorno deveu-se a uma "manutenção não programada". Os passageiros, que haviam iniciado a primeira viagem às 15h05min, foram reacomodados em outro aparelho e decolaram às 17h40min.

 

 

O Estado de São Paulo
08/04/2009

BNDES libera financiamento para a Azul
Daniele Carvalho, RIO

A Azul Linhas Aéreas obteve ontem do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) o primeiro financiamento em moeda nacional para a compra de aviões da Embraer. O empréstimo, de R$ 254 milhões, será utilizado para a compra de quatro aviões e terá o risco da operação compartilhado com o Banco do Brasil, que será responsável por 50% do repasse.

"Até então, todos os financiamentos para a compra de aeronaves da Embraer foram solicitados por empresas estrangeiras, utilizando o BNDES Exim (modalidade de crédito voltada à exportação). Essa é a primeira vez que uma empresa nacional solicita o empréstimo", disse a chefe do departamento de Transporte e Logística do BNDES, Adely Branquinho. Em 2008, o banco financiou US$ 542,2 milhões em compras de aviões da Embraer.

No caso da Azul, o crédito aprovado pelo BNDES corresponde a 85% do investimento total a ser realizado na operação. As aeronaves, que serão destinadas ao transporte doméstico, fazem parte de um pacote maior com a Embraer, com pedido firme de 36 aviões. Sete já foram entregues.

Perguntada se o financiamento estava atrelado à manutenção de empregos na Embraer, Adely explicou que a exigência não pode ser feita porque o crédito é concedido à Azul. "O financiamento vai gerar empregos na Azul." A expectativa da empresa, que tem 730 empregados, é elevar esse número para 3 mil até 2012.

 

 

O Estado de São Paulo
08/04/2009

Pane no Cindacta 3 gera atrasos em aeroportos

Pane no sistema de comunicação do Cindacta 3, no Recife, provocou na noite de ontem atrasos em aeroportos do Brasil. Por causa do problema, cuja causa ainda é desconhecida, aviões na Região Nordeste ficaram sem comunicação com o centro por 1h10. Voos que sobrevoariam a área do Cindacta 3 foram mantidos no solo.

 

 

O Estado de São Paulo
08/04/2009

Familiares de vítimas da TAM esperam por punições
Elder Ogliari, PORTO ALEGRE

Familiares das vítimas do voo 3054 da TAM manifestaram convicção de que os responsáveis pela tragédia que matou 199 pessoas em junho de 2007, em São Paulo, serão punidos. Para eles, a suspensão do processo por fraude processual contra a ex-diretora da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) Denise Abreu é uma discussão jurídica. O presidente da associação dos familiares (Afavitam), Dario Scott, lembrou que há duas ações separadas em andamento: o processo no Ministério Público Federal e o inquérito da Polícia Federal que apura a causa da tragédia.

O desembargador Luiz Stefanini suspendeu por liminar a ação contra Denise por "falsificação de documento público e uso de documento falso". Ela, como diretora da Anac, apresentou ao Tribunal Regional Federal da 3ª Região como norma um documento que era apenas estudo. A desembargadora Cecília Marcondes, então, liberou a pista do Aeroporto de Congonhas para aviões de grande porte. "Como é liminar, o caso depende ainda do julgamento do mérito", afirmou Scott.

 

 

O Dia
08/04/2009

Pelo ar, pela terra, pelo bolso
Companhias aéreas e de ônibus lançam promoções e condições facilitadas de pagamento para atrair passageiros. Objetivo é aumentar o faturamento na Semana Santa, mas algumas campanhas valem para outros feriados
POR PRISCILA BELMONTE, RIO DE JANEIRO

Rio - O feriado da Páscoa acirrou a disputa de empresas aéreas e rodoviárias por clientes. As principais companhias estão com preços promocionais. Em alguns trechos, a passagem de avião custa quase o mesmo que a de ônibus.

Até o fim do mês, é possível voar do Rio a São Paulo, a partir de R$ 79 pela Azul Linhas Aéreas. Na mesma rota, a Ocean Air tem bilhete a R$ 93. Além do valor promocional, os clientes podem parcelar em até 10 vezes sem juros no cartão de crédito. A empresa também barateia viagens em outros feriados, uma vez que vale para embarques até o dia 25 de junho. As compras devem ser feitas até o último dia de abril. Reservas podem ser marcadas pelo telefone 4004-4040 ou pelo site www.oceanair.com.br.

Na rota Rio-Curitiba, TAM oferece passagem a R$ 119,50 (somente de ida). Quem comprar o bilhete duas semanas antes da viagem paga mais barato: a partir de R$ 99,50 (ida). Mas as tarifas estão sujeitas à disponibilidade de assentos.

A Gol também dá desconto, mas dependendo do período escolhido. No trecho Rio-São Paulo, a passagem pode sair a R$ 99. Na rota Rio-Curitiba, pode chegar a R$ 119.

Quem optar pela estrada também terá preços promocionais. A 1001 oferece passagem a R$ 99 (Rio-São Paulo, primeira classe). Serviço inclui kit lanche e sala de espera vip na rodoviária, com TV, ar-condicionado, água e café. Clientes podem parcelar o bilhete em três vezes sem juros.

A Itapemirim promete passagens, a partir de R$ 10, até junho, nos trechos Rio-Porto Alegre e Rio-Curitiba. Mas o número de poltronas é limitado — cada ônibus tem apenas três assentos pelo menor preço. A Cometa oferece passagem Rio-São Paulo por R$ 95, na madrugada. Os pacotes promocionais das empresas de ônibus fizeram com que Guilherme Bergamini mudasse de ideia sobre onde ir. “Por esse preço, não há como não aproveitar. Mesmo que não consiga uma vaga para a Páscoa, vou agendar para o próximo feriado”, disse.

CONFIRA

AZUL
Companhia aérea vende bilhete para o trecho Rio-São Paulo a partir de R$ 79 (valor é cobrado nas viagens de ida e de volta).

OCEAN AIR
Passagem aérea Rio-São Paulo sai por R$ 93 (nas viagens de ida e de volta).

TAM
Cobra R$ 119,50 (só para voo de ida) no trecho Rio-Curitiba. Em compras antecipadas, cai para R$ 99,50.

GOL
Bilhete Rio-São Paulo sai a R$ 99. Na rota Rio-Curitiba, custa R$ 119.

1001
Rio-São Paulo por R$ 99 (primeira classe), R$ 75 (executiva) e R$ 63,50 (ônibus convencional).

COMETA
Rio-São Paulo tem passagem a R$ 95 (com embarque previsto para 00h30).

ITAPEMIRIM
Passagem de ônibus a partir de R$ 10 para Rio-Porto Alegre e Rio-Curitiba, mas com apenas três assentos.

 

 

Coluna Claudio Humberto
08/04/2009

’Enrolée’

A Air France lembra que foi privatizada nos anos 90 e tem quatro telefones “para seus clientes brasileiros”. Mas finge desconhecer que seu único programa de milhagem é o Flying Blue, atendido por um só 0800.

 

 

Mercado e Eventos
08/04/2009 - 12:59hs

Infraero prorroga prazo para inscrições no concurso

O prazo para inscrições no concurso público da Infraero foi prorrogado até amanhã (09/04). A empresa que organiza a seleção, Fundação Carlos Chagas, também fez pequenas retificações no edital.

O concurso destina-se à formação de cadastro reserva para diversos cargos de nível médio e superior, com salários que vão de R$ 1.029,50 a R$ 3.203,53. As provas serão realizadas nas principais capitais brasileiras e as inscrições podem ser feitas pela internet no endereço www.concursosfcc.com.br. O valor da inscrição é de R$ 51,37 para nível médio e R$ 66,37 para nível superior.

 

 

Valor Econômico
08/04/2009

Azul de avião novo

A Azul receberá R$ 254 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para financiar a compra de quatro aeronaves da Embraer. O valor corresponde a 85% do investimento total nos novos aviões, uma vez que os demais 15% serão pagos pela própria empresa. No empréstimo à Azul, o BNDES entra com metade do capital e a outra metade será repassada pelo Banco do Brasil, o agente financeiro da operação. Segundo o BNDES, esse pode ser o primeiro de uma série de financiamentos para empresas aéreas que atuam no mercado doméstico.

 

 

Valor Econômico
08/04/2009

Aéreas dos EUA

As companhias aéreas americanas registraram uma queda menor no transporte de passageiros em março, sugerindo que o declínio das viagens pode estar se abrandando. O transporte de passageiros pelas seis maiores empresas aéreas dos Estados Unidos caiu 11% em relação ao mesmo período do ano passado, menos que o total de fevereiro, de 11,4%, segundo dados compilados pela Bloomberg. American Airlines, United Airlines e Continental tiveram quedas menores que no mês anterior, enquanto a Delta Air Lines apresentou uma queda maior.

 

 

Valor Econômico
08/04/2009

TAM e bmi

A TAM anunciou um acordo operacional de compartilhamento de voos (codeshare) com a aérea britânica bmi. A parceria entra em vigor no dia 14. Com isso, os clientes poderão viajar com um único bilhete e despachar só uma vez sua bagagem em rotas operadas pelas duas empresas. O acordo também vai aumentar as conexões oferecidas pelas duas companhias.


Página Principal